• Luxo Aju

Política by Adiberto de Souza

Época de paralisações

Insatisfeitos com os reajustes salariais ou a ausência deles, servidores estão cruzando os braços. Os médicos da Prefeitura de Aracaju estão em greve por discordarem do mísero reajuste de 5%. No Estado, os professores mantém há um mês o movimento paredista em defesa do aumento de 13% para o piso salarial da categoria. Ontem, os delegados de Polícia fizeram uma paralisação de 24 horas e os servidores da administração direta do Estado se mobilizam para decretar greve, pois o governo insiste em não conceder reajuste salarial. A culpa das paralisações é exclusiva do Executivo, que não arrecada nem economiza o suficiente para atender as justas reivindicações dos funcionários. Lamentável é que, embora o culpado seja o governo, a população é a grande afetada com o fechamento de escolas, postas de saúde e outras repartições.

Braços cruzados

E os deputados estaduais também estão de braços cruzados desde janeiro passado. Não é greve, mas falta de disposição para trabalhar. Desde que a Justiça resolveu apurar o mau uso das verbas de subvenção, a maioria dos parlamentares não faz outra coisa que não seja se defender. Muitos estão vivendo à base de lexotan, enquanto outros tentam convencer dirigentes de entidades ditas filantrópicas a não abrirem o bico sobre o destino dos milhões das subvenções. Uma vergonha!

Integração

Promover o desenvolvimento econômico, científico e tecnológico de forma integrada ao desenvolvimento social da população. Essa foi a temática central da reunião comandada ontem pelo governador Jackson Barreto (PMDB). O principal objetivo do encontro foi tratar de temas relacionados ao desenvolvimento do estado, que possam ser trabalhados de forma atrelada com as principais demandas sociais dos municípios.

Vai pra cadeia

Dez anos após ter sido acusado de fraudar licitações, o ex-prefeito de Indiaroba, João Eduardo Viegas, foi condenado a 35 anos de prisão. Além dele, também foram condenadas pelo mesmo crime outras 13 pessoas. Segundo o Ministério Público Federal, Viegas e os outros acusados direcionaram dispensas de licitações visando favorecer determinadas pessoas. É, a Justiça tarda, mas não falta.

Manifestação

Os professores da rede estadual promovem, daqui a pouco, uma manifestação em frente ao Tribunal de Justiça, no centro de Aracaju. O objetivo é pressionar os desembargadores a votarem favoráveis ao agravo regimental do Sintese contestando a ilegalidade da greve da categoria. O governo insiste em não conceder o reajuste de 13% ao piso dos professores e informa que mais de 60% das escolas funcionam normalmente. Será?

Microcrédito

O programa de microcrédito rural do Banco do Nordeste, Agroamigo, atingiu a marca de R$ 3 bilhões em sua carteira ativa, financiando atividades produtivas de mais de 1 milhão de clientes ativos. Com metodologia própria, o programa é específico às condições do meio rural e tem como principal característica o atendimento integral a partir da presença do agente de microcrédito nas comunidades.

Loteria

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Luciano Bispo (PMDB), recebeu a visita do superintendente da Caixa Econômica Federal em Sergipe, Anacleto Grosbelli. Este entregou ao parlamentar o conjunto de bilhetes da Loteria Federal, em edição especial do mês de junho, com sorteio para dia 24. Nesta edição, a Caixa faz uma homenagem a Itabaiana, com cada bilhete trazendo uma imagem da cidade serrana.

Grana garantida

Para tentar recursos visando a recuperação da Catedral, o arcebispo metropolitano de Aracaju, Dom José Palmeira Lessa, se reuniu ontem com a bancada federal sergipana. Segundo o senador Eduardo Amorim (PSC), será designado R$ 1,8 milhão em emendas parlamentares individuais para as obras da Igreja Matriz de Aracaju. “Temos compromisso com esse marco católico, arquitetônico e cultural do Nordeste”, afirma Amorim.

Varejo em queda

O volume de vendas do comércio varejista teve queda de 0,4% em abril, na comparação com março. Segundo o IBGE, a retração é a terceira consecutiva e contribuiu para que a média do trimestre chegasse a 0,6%. O IBGE também divulgou a receita nominal do setor, que subiu 0,3% na comparação com março e 2,5% ante abril do ano passado. Em 2015, a receita do varejo acumula alta de 4,7% e, nos últimos 12 meses, a expansão chega a 6,4%.

Cocó

Após defender que o governo corte o ponto dos professores em greve, o vereador aracajuano Agamenon Sobral (PP) alertou os grevistas: “vocês entraram numa ‘cocó’, pois a presidente do Sindicato é aposentada e não terá desconto no contracheque. A deputada Ana Lúcia já tem seu cargo político, o professor Joel Almeida recebe uma gratificação, que vai cobrir os descontos, e o professor Iran Barbosa é vereador. No fim, só os professores serão prejudicados com o corte do ponto”.

Recorte de jornal

Feitceiro_-__Correio_de_Aracaju,_30_de_março_de_1917.jpg

Publicado no Correio de Aracaju em 30 de março de 1917.