• Luxo Aju

Política by Adiberto de Souza

Indústrias ameaçadas

Na tentativa de aumentar a arrecadação, o governo de Sergipe pode levar à falência centenas de indústrias instaladas no Estado. O Projeto de Lei aumentando de 17% para 25% o ICMS cobrado sobre a energia elétrica consumida pelo setor industrial aumentará significativamente o já elevado índices de desemprego. Obrigado a repassar para o consumidor a majoração do valor das mercadorias produzidas em Sergipe, o comércio local também será afetado. Levantamento feito pela Federação das Indústrias mostra que a proposta do governo reduzirá a competitividade da indústria sergipana e o poder de compra da população, gerando um círculo vicioso negativo, que acaba criando um mecanismo de auto reforço do desaquecimento econômico. Portanto, em vez de aumentar a arrecadação estadual, o Projeto majorando o valor do ICMS provocará a estagnação de centenas de empresas e o fechamento de outras tantas, agravando ainda mais a crise econômica e impedindo o desejado crescimento da arrecadação estadual. Alguém precisa dizer ao governador Jackson Barreto (PMDB) que se aprovar tal propositura, ele estará dando um tiro no próprio pé.

Até que enfim

O governador Jackson Barreto (PMDB) instala daqui a pouco a Comissão da Verdade de Sergipe, que será presidida pelo professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, ex-reitor da Universidade Federal de Sergipe. A Comissão também é composta por Helder Teixeira, Gilberto Francisco dos Santos, José Vieira da Cruz, Andréa Depieri de Albuquerque Reginato, Gabriela Rebouças e Afonso Nascimento. O grupo terá dois anos para coletar documentos nos arquivos, gravar depoimentos de presos políticos e perseguidos, delatores e torturadores.

Férias eleitorais

A Justiça Eleitoral encerra nesta segunda-feira o primeiro semestre forense de 2015, devendo as atividades só serem retomadas no dia 3 de agosto próximo. Durante as férias da Justiça Eleitoral, no período de 2 a 31 de julho, os prazos processuais ficarão suspensos e o expediente na Secretaria do Tribunal será das 13 às 18 horas.

Barbeiragem

Faltou pouco para dois aviões se chocarem em pleno vôo no espaço aéreo baiano. Segundo o Portal R7, as aeronaves da Azul e da Gol se cruzaram, domingo passado, a uma distância de apenas 60 metros uma da outra, quando o recomendado são 300 metros. Uma gravação mostra o piloto da Gol, que voava com destino a Aracaju, reclamando com a operadora da torre de controle: “Precisamos de algo imediato (...) tem que encontrar um eixo aqui pra gente, livre de colisão, minha querida”. Misericórdia!

Cadê o reajuste?

Onze sindicatos de servidores estaduais aprovaram ontem um ofício contendo as reivindicações das categorias e que será entregue ao governo de Sergipe. No próximo encontro, marcado para segunda-feira (6), os sindicalistas vão debater um indicativo de paralisação conjunta dos servidores estaduais, visando pressionar o governo a pagar as perdas salariais, estimadas em 20%.

Sem reposição

E os professores da rede estadual estão cobrando a retificação do calendário escolar. Eles já comunicaram aos diretores dos estabelecimentos que não farão a reposição das aulas dos dias descontados nos salários por causa da última greve. Os educadores passaram um mês de braços cruzados, tendo a greve sido considerada ilegal pela Justiça. Diante disso, o governo cortou os pontos pelos dias não trabalhados. A categoria reivindica um reajuste de 13,01% sobre o piso salarial. Esta informação é Portal Primeira Mão.

Mais longo

Este dia 30 de junho terá um segundo a mais que os habituais 86.400 segundos. O motivo é que a rotação da Terra está mais lenta, gerando uma disparidade entre o tempo real de um dia e o contabilizado pelo Tempo Universal Coordenado (UTC), medida padrão usada em todo o mundo. Segundo informações do Observatório Nacional, o primeiro ajuste no UTC ocorreu em 1972. Desde então, 26 segundos foram acrescentados. Pensando bem, o que se faz é um segundo?

Carnificina

Os homicídios representam quase metade das causas de morte entre jovens de 16 e 17 anos. Segundo dados do Mapa da Violência no Brasil, 46% dos jovens mortos nessa faixa de idade foram assassinados e que 93% das vítimas são homens. O estudo revela ainda que os homens negros morrem três vezes mais que os brancos. Além disso, a arma de fogo foi usada em 81,9% dos homicídios de adolescentes de 16 anos e em 84,1% dos homicídios na faixa de 17 anos. Uma lástima!

Crueldade

As tradicionais cavalgadas realizadas em Sergipe expõem a crueldade como os animais são tratados. Enquanto os participantes da festa de divertem, os cavalos passam todo o dia sem água, alimentação e descanso. Até éguas prenhas são massacradas por chibatas e afiadas esporas. Alguém precisa intervir contra isso para que as cavalgadas não fiquem cada dia mais assemelhadas à sangrenta e proibida farra do boi de Santa Catarina.

Carona

O deputado federal Fábio Reis (PMDB) se apressou em desmentir que a construção da Orla na Barragem Dionísio Machado, em Lagarto, é resultado de requerimento apresentado pelo deputado estadual Gustinho Ribeiro (PSD). Reis explica ter sido dele a emenda parlamentar garantindo R$ 2 milhões para a execução da obra. O governo do Estado fez a doação do terreno e vai entrar com uma contrapartida de R$ 240 mil.

Recorte de jornal

Uma kodak - Correio de Aracaju, 28 de dezembro de 1926.jpg

Publicado no Correio de Aracaju em 28 de dezembro de 1926.