• Luxo Aju

Política by Adiberto de Souza



Inimigos do povo

A sociedade precisa reagir contra o absurdo projeto de lei que transfere da Câmara de Aracaju para o prefeito de plantão o direito de aumentar a passagem dos ônibus. Ora, e pra quê serve um Legislativo que abre mão de ouvir usuários de coletivos e empresários, avaliar com rigor as planilhas de custo, debater com técnicos e a população qual o percentual de reajuste mais apropriado? Fugir desta responsabilidade é reduzir as atribuições do Parlamento, é virar as costas a quem os elegeu. Admitamos, se temem o desgaste político, por que se candidataram, prometeram defender os interesses dos aracajuanos? Portanto, os vereadores que, covardemente, aprovarem essa excrescência são inimigos do povo. Não se pode tratar de forma diferente quem deixa milhares de trabalhadores à mercê da vontade de um prefeito, entregando-os de bandeja à ganância das insaciáveis empresas de ônibus. Fiquem de olho na Câmara!

Escreveu não leu...

Mais de 270 mil sergipanos são analfabetos de pai e mãe, não escrevem um “o” com um copo. Segundo o IBGE, entre os iletrados, 35,88% moram na zona rural, e 107 mil são idosos com mais de 60 anos. Estes números poderiam ser bem menores se o governo fizesse a parte dele. Maior prova do desleixo oficial é o Programa Sergipe Alfabetiza Mais. Com a promessa de alfabetizar 65 mil pessoas em quatro anos, esta iniciativa do governo federal está paralisada há dois anos. Só Jesus na causa!

Corda bamba

E o conselheiro do Tribunal de Contas de Sergipe, Ulices Andrade, está sendo denunciado por improbidade administrativa. Segundo a promotora Rosane Gonçalves dos Santos, o futuro presidente do TCE afrontou a legislação ao discursar na inauguração de uma rodovia estadual. Por entender que ao se pronunciar politicamente Ulices afrontou a legislação, a promotora pediu que a Justiça o puna com a perda do rendoso cargo vitalício. Marminino!

Eu não vi não...

“Você viu o cabeção por aí?/ Eu não vi não...”. Este trecho da música de os Golden Boys se encaixa como uma luva no perfil de Danilo dos Santos da Conceição, um bandido The Flash. O ninja fugiu do presídio de São Cristóvão, foi recapturado agora no carnaval e já escafedeu-se da Delegacia Plantonista de Aracaju. Ainda sem saber como o marginal pinotou do xilindró, a Polícia tenta localizá-lo. Então, você viu o cabeção por aí?

Cospe no prato

Ao reprovar – por que só agora? - a trágica administração do ex-prefeito João Alves Filho (DEM), o vereador aracajuano Thiago Batalha (PMB) cospe no prato que comeu até outro dia. No desejo de ser simpático ao eleitorado, o parlamentar não preservou nem o pai, radialista Carlos Batalha, acusado de ter usado a máquina municipal justamente para elegê-lo. É a criatura voltando-se contra o criador. Quanta ingratidão!

Ganância

O Jornal da Cidade publica hoje a seguinte nota: “Acabou o carnaval, começou o ano de 2017 e, com ele, o novo valor para os estacionamentos dos shoppings de Aracaju. O consumidor vai pagar agora R$ 2 por hora. Este reajuste traz de volta a discussão: tem lei que proíbe. Atenção, Ministério Público e Procon!”. Misericórdia!

Contra a Polícia

O deputado estadual Capitão Samuel (PSL) promete apresentar na Assembleia uma moção de repúdio contra a cantora baiana Daniela Mercury. Pelas redes sociais, o parlamentar disse que “ela xingou, fez gestos obscenos e parou de cantar quando passou em frente ao camarote da Polícia Militar, no circuito Campo Grande/Osmar. Achando pouco, ainda incitou os foliões contra a corporação”, se queixa o deputado sergipano. Crendeuspai!

Tapa na macaca

Drogas ilícitas fazem menos mal do que muitas drogas lícitas. Pelo menos é o que pensa o professor de medicina, João Menezes: “A proibição e criminalização de drogas são arbitrárias e hipócritas”. O pesquisador da Fiocruz, Francisco Inácio Bastos, concorda com o colega. Segundo ele, o efeito do álcool é muito mais devastador na sociedade do que o da maconha e nem por isso as bebidas alcoólicas são proibidas. Aff Maria!

Corda esticada

Com o título acima, a Folha de São Paulo informa hoje que o deputado federal André Moura (PSC/SE), ex-líder do governo na Câmara, volta ao Planalto nesta quinta (2). O parlamentar deve ouvir do presidente Michel Temer um pedido de ajuda para a aprovação da reforma da Previdência, “mas tem pouca disposição de ceder. Moura já disse que, agora, os 50 deputados de seu grupo se sentem desobrigados de apoiar o governo”. Homem, vôte!

Novo contrato

A americana GE Power Services assinou um contrato de prestação de serviços com a Centrais Elétricas do Sergipe no valor de US$ 216 milhões, prevendo operação e manutenção, além de soluções digitais que poderão melhorar a eficiência da termelétrica Porto do Sergipe. O contrato é uma extensão do negócio fechado entre a GE e a termelétrica em outubro passado, envolvendo US$ 900 milhões e o fornecimento de todos os equipamentos necessários para a construção da usina. Esta informação está na edição de hoje do jornal Valor Econômico.

Sem segurança

Os consumidores ainda compram em camelôs artigos que não têm controle de segurança. Cerca de 32,1% dos entrevistados pela pesquisa do Instituto MDA relataram ter adquirido um produto no mercado informal nos últimos 12 meses, com destaque para brinquedos (37,1%). Mesmo assim, a consulta destaca que em relação à segurança, 65,1% das pessoas disseram dar preferência a produtos que trazem o selo de identificação do Inmetro. Menos mal, né?

Recorte de jornal


Publicado no jornal aracajuano O Nordeste, em 21 de junho de 1950.

#política

0 visualização