• Luxo Aju

Autodesenvolvimento Humano e suas transformações.

Por: Gabriela Rezende




O aprendizado adquirido com as experiências da vida contribui para o crescimento profissional e pessoal.


Para que a transformação aconteça é preciso criar um hábito, uma vontade genuína de melhorar e evoluir. O autodesenvolvimento deve ser constante, novos conceitos surgem, novas descobertas despertam curiosidade e com isso as pessoas buscam novos caminhos, novas habilidades, aperfeiçoam as que já existem, abrem a mente para novas perspectivas.


É necessário valorizar a trajetória, compreender que o propósito do ser humano é ser ele mesmo, é poder sentir, amar, trabalhar, decidir de forma genuína e não seguir padrões. Quando o indivíduo se valoriza e escreve seu caminho com respeito, criatividade, compartilha conhecimento, investe em sua educação, sente empatia tudo em sua volta se torna mais criativo e dinâmico, com pessoas muito mais motivadas.


Ser quem você é, sentir empatia, seguir seu propósito não é motivo de vergonha, muito menos sinônimo de fraqueza e sim de fortaleza e de autorrealização. Traçar objetivos, metas que são alcançáveis, comemorar cada pequena conquista, agir, acreditar em seu poder, ter coragem, usar a criatividade, são ações que vão ampliando as possibilidades e gradualmente os sonhos vão tornando realidade.