top of page
  • Foto do escritorLuxo Aju

Hospital Primavera em parceira com a SES, promove Mutirão de Colonoscopia



O Hospital Primavera, em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde, realizou no domingo, 26/03, um mutirão de exames de colonoscopia contra o câncer de intestino, um dos três tipos mais letais no Brasil, perdendo apenas para o câncer de mama nas mulheres e o câncer de próstata nos homens. No total, foram ofertados 45 exames a pacientes que estavam na fila de espera do SUS - Sistema Único de Saúde, com a finalidade de acelerar os possíveis diagnósticos de câncer colorretal, também conhecido como câncer de intestino, e outras doenças intestinais.


O evento em alusão ao março azul, mês voltado a prevenção do câncer de intestino, contou com o apoio de médicos, enfermeiros, anestesistas, técnicos de enfermagem, além das empresas parceiras, como a Patologika, Cardiomedh e Fármacos, que contribuíram na execução do projeto. A gerente da Central de Regulação da Secretaria de Estado da Saúde, Dra. Tiemi Oki Fontes, disse que foi realizada uma triagem e selecionados os pacientes que estavam na fila de espera do SUS, na faixa etária de 50 a 75 anos.


De acordo com o coordenador médico do Serviço de Endoscopiada Rede Primavera, Dr. Vinícius Castro, a colonoscopia é o principal exame recomendado pelos médicos para rastrear e prevenir o câncer colorretal, tumores que afetam o cólon (parte central do intestino grosso) e o reto (parte final do intestino grosso). "Além de permitir detectar um tumor em fases mais iniciais, o que aumenta as chances de sucesso do tratamento, esse exame tem um importante papel preventivo, pois possibilita identificar e remover pólipos, lesões benignas que podem se transformar em um tumor maligno. O mutirão é uma iniciativa de extrema relevância por atender as pessoas que aguardam há um bom tempo na fila de espera do SUS. Estou muito feliz com o envolvimento de todos os envolvidos", concluiu.


Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), mais de 45 mil novos casos de câncer de intestino devem ser diagnosticados entre 2023 e 2025. Se esses números se confirmarem, a doença alcançará mais de 136 mil pessoas no país. A estimativa é de 21,10 casos por 100 mil habitantes, sendo 21.970 entre homens e 23.660 entre mulheres. O coordenador médico do Centro de Oncologia da Rede Primavera, Dr. Michel Alves, alerta sobre a importância do rastreamento do exame de colonoscopia nas pessoas acima dos 45 anos de idade e a prevenção. "Praticar atividade física regularmente, adotar uma dieta à base de vegetais e alimentos ricos em fibras, controlar o peso, parar de fumar, evitar o consumo de bebidas alcoólicas e fazer exames de rotina, são fatores relevantes e que devem ser adotados por todos", ressaltou Dr Michel.


O mutirão proporcionou um alívio para quem esperava por esse momento. “Nós que somos usuários do SUS, faz toda a diferença. Há 7 meses espero ser chamada para fazer esse exame, pois a doença não espera. Um exame desse pelo atendimento particular é muito caro, então essa é uma oportunidade maravilhosa. Espero que continue assim”, comemorou a dona de casa, Maria Cícera dos Santos.


Mesma sensação de alívio vivida pela paciente, Iara Carvalho, que estava há dois meses na fila do SUS. "Agradeço a todos por esse momento, em poder cuidar da minha saúde com profissionais tão competentes do Hospital Primavera", finalizou.

コメント


bottom of page