top of page
  • Luxo Aju

Hospital Primavera realiza procedimento de Citorredução cirúrgica com quimioterapia intraperitonial



No dia 12 deste mês, o cirurgião oncológico do Hospital Primavera, Dr. André Rodrigues Meneses, juntamente com uma equipe médica capacitada, realizou com sucesso, uma cirurgia oncológica em um paciente de 60 anos, com diagnóstico de câncer de apêndice cecal com carcinomatose peritoneal, que ocorre quando a doença se espalha do local de origem para o peritônio (membrana que reveste toda a cavidade abdominal). O procedimento de Citorredução cirúrgica com quimioterapia intra peritoneal hipertérmica - HIPEC - indicado no tratamento de “Quimioterapia Hipertérmica Intraperitoneal”, é aplicado logo após a cirurgia de citorredução, que consiste na retirada de todos os focos de tumor, podendo ser necessária a retirada total ou parcial de alguns órgãos abdominais. Essa técnica é geralmente aplicada no combate aos cânceres de apêndice cecal, pseudomixoma peritoneal, mesotelioma peritoneal, colorretal, gástrico e de ovário.


Dr. André Rodrigues, enfatiza que através da HIPEC é possível conseguir concentrações muito maiores de quimioterápico na superfície peritoneal, em comparação ao tratamento com administração endovenosa. O método dura entre 8 e 14 horas, a depender da dificuldade do caso, e é realizado através de uma perfusão uniforme e com grande concentração de quimioterápicos dentro da cavidade peritoneal, cuja ação é potencializada através do calor, que se mantém em torno de 42ºC, com duração de 30 a 90 minutos. "Toda equipe está de parabéns com o resultado do procedimento, com a evolução do paciente, assim como, o Hospital Primavera em utilizar pela primeira vez, o equipamento vindo da Itália e homologado pela Anvisa, chamado Sistema Performer HT da empresa RanD", concluiu.

bottom of page