• Luxo Aju

Política by Adiberto de Souza



Época de plantar verde


Por mais que digam só terem olhos para a pandemia, os políticos não perdem de vista as eleições de 2022. Nenhum assume publicamente que sonha com a chefia do Executivo, mas ninguém desmente quando é citado como candidato ao governo de Sergipe. Esta é a chamada fase do balão de ensaio, quando se planta verde na esperança de colher maduro. Esse reme-reme não acaba antes de janeiro do próximo ano. Até lá, os pretensos postulantes a cargos eletivos evitarão se expor, para não serem engolidos pelos adversários ou queimados pelo fogo amigo. Por sua vez, a chamada imprensa especializada continuará especulando, incensando nomes e arriscando possíveis coligações. Portanto, o pega-pra-capar só vai ocorrer mesmo quando se aproximarem as convenções. Aí sim, quem melhor se esquivou das queimações e protegeu a roça de votos, terá cartas suficientes na manga para conquistar a sonhada candidatura ao governo de Sergipe. Aguardemos, portanto!


“Laranja” cara


A emedebista Marleide Cristina dos Santos terá que devolver os cerca de R$ 468 mil que recebeu do Fundo de Financiamento de Campanha, em 2018. Segundo a Justiça Eleitoral, a distinta se candidatou a deputada estadual apenas para “lavar” a grana em benefício de outras candidaturas. Contribuiu para que o Ministério Público chegasse à essa conclusão os votos obtidos por Marleide: apenas 184 sufrágios. Decididamente, a candidatura “laranja” saiu caro para a fidalga. Misericórdia!


Na terrinha


E quem visita Aracaju nesta sexta-feira é o ministro Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional. Vem assinar a ordem de serviço do Canal de Xingó. Orçado em R$ 2,3 bilhões, o projeto prevê a construção de canal aberto, com tomada de água em Paulo Afonso (BA) e conclusão em Poço Redondo (SE), numa extensão de 114,55 quilômetros. Na companhia do deputado federal Bosco Costa (PL), o ministro desembarca na capital às 10h30, devendo assinar a ordem de serviço às 11h, na sede da Codevasf. Depois, vai ao Palácio do Governo assinar a liberação de recursos para obra de ampliação do sistema de esgotamento sanitário de Aracaju. Seu retorno à Brasília está previsto para às 16h30. Então, tá!


Repúdio aos bancos


A Câmara de Vereadores de Lagarto aprovou uma nota de repúdio ao Bradesco e a Caixa Econômica Federal. Proposta pelo vereador Vilânio do Treze (PSC), a medida foi motivada pela insatisfação da população com as longas filas formadas ao redor das agências bancárias. Segundo o vereador, é um absurdo que tanto o Bradesco quanto a Caixa façam vistas grossas ao sofrimento do povo, que padece no sol e na chuva antes de ter acesso às agências dos dois bancos. Danôsse!


Bola murcha


Após o Supremo Tribunal Federal ter reafirmado a parcialidade do ex-juiz federal Sérgio Moro, o senador Rogério Carvalho (PT) desabafou: “O ex-empregado de Bolsonaro não julgou Lula em cima de provas, mas por decisões pessoais e políticas”. E o petista prossegue: “Moro agiu criminosamente, cassou os direitos políticos de Lula, prendeu o maior líder popular do Brasil por 580 dias para garantir o projeto de poder de Bolsonaro, que nos levou a essa tragédia social e de saúde”. Segundo Rogério Carvalho, “este é o maior escândalo jurídico da nossa história. Moro tirou das urnas o líder das pesquisas”. Crendeuspai!


Reajuste proibido


E o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Edson Ulisses, sepultou as esperanças de reajuste salarial alimentadas pelos servidores daquele poder. Segundo o magistrado, a Lei Complementar 173/2020 proíbe os entes federativos de reajustar salários até dezembro deste ano. O desembargador disse aos servidores que tem boa vontade com as demandas da categoria, porém só pode atender aqueles que estiverem dentro dos limites legais. Ah, bom!


Tudo como dantes


O governo de Sergipe prorrogou por mais sete dias as restrições sociais e do toque de recolher, das 22h às 5h. A decisão foi tomada durante a reunião do Comitê Técnico Científico, que monitora a situação epidemiológica da pandemia da covid-19 no estado. Reunido com prefeitos, o governador Belivaldo Chagas (PSD) apresentou projeções preocupantes sobre o avanço do coronavírus em Sergipe e pediu a ajuda deles para conter a doença. Cruz, credo!


Impeachment a caminho


A OAB ainda não tem uma posição formada sobre um possível impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Segundo o advogado Cezar Britto, que presidiu a OAB entre 2007 e 2010, é difícil avaliar qual o posicionamento predominante entre os conselheiros federais. “O tema do impeachment nos força a decidir. Alguma posição é preciso ter. Acho que a OAB tem se posicionado externamente muito bem no acompanhamento do governo”, afirma. Entrevistado pelo site Congresso em Foco, Cezar Britto disse que a lista de crimes cometidos por Bolsonaro é farta e as condições políticas começam a surgir para o impeachment. Aff Maria!


De olho em 2022


Veja o que publicou nas redes sociais o bem informado jornalista André Barros: “Os políticos começaram a contratar marqueteiros para 2022. No PDT, Ciro Gomes contratou João Santana, enquanto Edvaldo Nogueira, prefeito de Aracaju, convocou o publicitário Bira Suassuna para ajudar Carlos Cauê nas articulações. Só pensam naquilo”, conclui André. Marminino!


Angico na tela


O documentário “Angico – de fora a fora”, uma produção independente filmada em Sergipe, estreia, às 20h de hoje, no drive in do Museu da Gente Sergipana, em Aracaju. Dirigido pela jornalista Erna Barros, o filme aborda histórias e memórias da região de Angico, localizada entre os municípios de Poço Redondo e Canindé do São Francisco. A região ficou muito conhecida por ser o local onde foram mortos Lampião, Maria Bonita e vários cangaceiros. É lá que também se encontra o Monumento Natural Grota do Angico, que visa preservar um dos maiores remanescentes de caatinga. Prestigie!


Recorte de jornal


Publicado no jornal Correio de Aracaju, em 15 de janeiro de 1930.