top of page
  • Foto do escritorLuxo Aju

Política by Adiberto de Souza



Inelegível, Valmir adota um novo discurso


Desde que teve a sua inelegibilidade confirmada pelo Tribunal Superior Eleitoral, o ainda pré-candidato a governador Valmir de Francisquinho (PL) só tem um discurso: o de que vai recorrer contra a decisão judicial e que o PL não possui um plano B para substituí-lo. Basicamente é isso o que Valmir vai dizer na entrevista coletiva convocada para amanhã. Claro que Francisquinho pode e vai recorrer contra a decisão do TSE, porém 10 em cada 10 juristas acham que as chances de vitória beiram a zero. Na verdade, o PL vai empurrar esse imbróglio com a barriga até as convenções, para só então definir um novo candidato a governador. Fazendo isso, o partido mantém o nome de Valmir na boca do povo até a hora de transformá-lo na grande vítima do processo eleitoral e, consequentemente, tentar transferir a popularidade dele para o seu substituto na empreitada eleitoral. A questão é saber se o hoje inelegível pré-candidato conseguirá transferir para outro político os votos que imagine ter. Misericórdia!


Barra da Onça em festa


O Assentamento Barra da Onça, no semiárido sergipano, está completando 36 anos. Em 1986, um latifúndio com 35 mil hectares se tornou um dos primeiros assentamentos da reforma agrária de Sergipe. Foi um marco histórico na luta pela terra no estado. Localizada no município de Poço Redondo, a fazenda foi ocupada inicialmente por 17 famílias de trabalhadores, número que passou para 360 um mês depois. Além do MST, a Diocese de Propriá teve participação fundamental na desapropriação da Barra da Onça. Supimpa!


Ruído de comunicação


O prefeito de Itabaiana, Adailton Sousa (PL), enviou nota à coluna confirmando ter recebido ameaças e que está buscando fundamentar, com base em provas cabais, a comprovação delas para levar o caso à Justiça. O distinto pede, porém, para retificar a parte em que dissemos que as ameaças partiram de gente ligada ao Tribunal de Contas de Sergipe. A bem da verdade, foi o senador Rogério Carvalho (PT) quem denunciou que um conselheiro do TCE estaria ameaçando um prefeito - não disse o nome - caso este não apoie um pré-candidato a governador. Aliás, por causa dessa acusação, o petista está sendo interpelado judicialmente pelo TCE. Tá feito o reparo, prefeito!


Campo sem fome


O deputado federal Bosco Costa (PL) participou, ontem, da audiência pública que debateu os impactos causados ao agronegócio pela instabilidade na importação de fertilizantes. Realizada na Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara, a audiência apresentou um olhar diferenciado sobre a crise do agronegócio brasileiro, seriamente atingido pela guerra entre Rússia e Ucrânia. Após dizer que conhece muito o Brasil, Bosco afirmou que, muito por conta dos fertilizantes, não existe fome na zona rural brasileira: “A fome no Brasil é urbana”, garante. Aff Maria!


Mestrinho medalhado


O cantor sergipano Mestrinho foi homenageado com a Medalha Ignácio Barbosa, uma das mais altas condecorações de Aracaju. Ao entregar a honraria ao ilustre forrozeiro, o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) disse ser a Medalha um reconhecimento a Mestrinho, por levar para o mundo o nome da capital sergipana. O artista, que vem a ser filho do não menos afamado forrozeiro Erivaldo de Carira, afirmou que “sempre penso em Sergipe e defendo a minha terra em todo lugar por onde ando”. Ontem à noite, Mestrinho deu um baita show no Forró Caju 2022. Maravilha!


Rádio acusada de mentir


A Rádio Jornal/FM, de Aracaju, está sendo acusada de divulgar um áudio adulterado com a fala do presidenciável Lula da Silva (PT) criticando o pré-candidato a governador de Sergipe, Rogério Carvalho (PT). Segundo a assessoria do petista sergipano, um perito concluiu que a gravação é resultado de uma edição manipulada feita para colocar em dúvida o apoio de ex-presidente ao aliado. A assessoria de Rogério informou que vai interpelar judicialmente a Jornal/FM por propagação de fake news. Procurada, a direção da emissora disse que ainda não tem uma posição sobre o caso. Crendeuspai!


Brasil dividido


Ao incentivar o confronto entre os brasileiros, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) acaba estimulando perigosamente o divisionismo. Ademais, por causa do rancor que nutre contra o povo nordestino, o capitão de pijama trata quem vive na região a pão e água. E olhe lá! Pelo visto, se pudesse, Bolsonaro excluiria o Nordeste do mapa do Brasil. Claro que o prejuízo maior seria para o resto do país. Como canta Elba Ramalho, “imagina o Brasil ser dividido/ E o Nordeste ficar independente/ O Nordeste seria outro país/ Vigoroso, leal, rico e feliz/ Sem dever a ninguém no exterior”. É, pode ser!


A favor da CPI


Dos três senadores de Sergipe, dois assinaram o pedido de criação da CPI para investigar supostas irregularidades no Ministério da Educação. O petista Rogério Carvalho e o tucano Alessandro Vieira estão entre os 31 parlamentares que concordam com a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar se o ex-ministro da Educação, pastor Milton Ribeiro, meteu a mão grande nos recursos do MEC. O dito cujo é acusado de, a pedido do presidente Jair Bolsonaro (PL), ter aberto a guarda para que os também pastores Gilmar Santos e Arilton Moura promovessem uma farra com as verbas do Ministério da Educação. Home vôte!


Líder de greve


Cassado por comprar votos nas eleições de 2018, o ex-deputado federal Valdevan Noventa (PL) retornou de vez à sua vida de sindicalista. Ontem, ele foi um dos líderes da assembleia dos motoristas e cobradores que decidiu pela greve dos ônibus na cidade de São Paulo. De acordo com o Sindicato dos Motoristas, do qual Vandevan é presidente licenciado, os empregadores insistem em não atender a maioria das reivindicações salariais da categoria. Cruz, credo!


Inaugurações proibidas


Candidatos à reeleição estão na última semana em que é permitido realizar inaugurações de obras públicas e outras ações que afetem a igualdade de oportunidades entre postulantes a cargos públicos. A partir do próximo sábado, data que marca o período de três meses até a eleição, a legislação traz uma série de proibições, que podem gerar até mesmo a cassação do registro ou do diploma. O calendário eleitoral estabelece que agentes públicos não podem comparecer a inaugurações de obras públicas, contratar shows artísticos pagos com recursos públicos. Portanto, abram os olhos!


Novo deputado


O suplente Robson Viana (PT) deve ser empossado amanhã como o mais novo deputado estadual de Sergipe. Ontem, o Tribunal Regional Eleitoral notificou o presidente da Assembleia, Luciano Bispo (PSD), sobre a cassação do deputado Talysson de Valmir (PL), condenado por abuso do poder econômico nas eleições de 2018. Feita a retotalização dos votos, ficou definido que o substituto do político liberal será Robson Viana. Como hoje é ponto facultativo na Assembleia, a posse do novo parlamentar deverá ocorrer amanhã. Ah, bom!


Recorte de jornal



Publicado no jornal aracajuano Diário da Tarde, em 1º de dezembro de 1937.

Comments


bottom of page