top of page
  • Foto do escritorLuxo Aju

Política by Adiberto de Souza



Planos de governo ou obras de ficção?


Alguns candidatos a governador de Sergipe já redigiram e outros estão em fase de conclusão dos chamados planos de governo. Por sua vez, marqueteiros gabaritados trabalham a todo vapor nas vistosas promessas, com as quais vestirão os postulantes à chefia do Executivo. E o que não faltam são ideias a serem expostas nos comícios, no rádio e na televisão. A depender das “viagens” dos profissionais de marketing, de janeiro de 2023 em diante Sergipe terá uma ambulância do Samu em cada esquina, filas de médicos disputando pacientes nos hospitais públicos, enquanto os marginais devem se mudar para outros estados, tamanho será o número de policiais bem treinados para persegui-los. Quer mais? Os candidatos vão prometer em seus planos de governo que centenas de empresas chegarão para gerar milhares de empregos e as escolas terão nível de primeiro mundo. Eles só não informam onde conseguirão os recursos para transformar Sergipe num verdadeiro paraíso. Ora, mas isso é de somenos importância para quem deseja apenas conseguir os votos dos eleitores incautos, iludidos pelas belas obras de ficção batizadas de planos de governo. Misericórdia!


Fique atento


Os eleitores que pretendem participar das eleições deste ano e estarão fora do domicílio eleitoral no dia do pleito têm até o próximo dia 18 para se habilitar a fim de votar em trânsito. Essa modalidade de votação ocorre somente nas capitais e nos municípios com mais de 100 mil eleitores. Os pedidos devem ser feitos em atendimento presencial. Para isso, basta procurar qualquer cartório eleitoral, munido de um documento oficial com foto, e indicar o local em que pretende exercer o direito de voto no dia da eleição. Você tá nessa?


Fora do páreo


O candidato a governador Alessandro Vieira (PSDB) descarta a possibilidade de o presidente estadual do União Brasil, André Moura, conseguir emplacar na Justiça Eleitoral a candidatura a deputado federal. Ele disse ao blog Primeira Mão que “André está inelegível e, certamente, será impugnado pelo Ministério Público Eleitoral”. O Supremo Tribunal Federal condenou Moura pela prática dos crimes de peculato, desvio e apropriação de recursos públicos e associação criminosa, tornando-o inelegível por cinco anos. Crendeuspai!


Gato por lebre


A classe política está afiando o gogó e ensaiando o discurso para, mais uma vez, engabelar o eleitorado. É bom a população abrir os olhos, pois está chegando a hora de se vender gato por lebre. Com raras exceções, os candidatos e candidatas vão encher os ouvidos do povo com o famoso canto da sereia. Portanto, o eleitor deve ficar muito atento, pois a grande maioria dos candidatos vai aproveitar a campanha para, como diz o poeta popular Jessier Quirino, cerca-se de “meia dúzia de corrupto/ E acunhar na promessa/ E a pisadinha é essa:/ Três promessa por minuto”. Marminino!


Luto


Morreu em Aracaju, dona Zilda Déda Chagas, 96 anos de idade. Ela era mãe do saudoso ex-governador Marcelo Déda (PT), do desembargador aposentado Cláudio Déda, da advogada Maria do Carmo Déda e sogra do desembargador Edson Ulisses e da vice-governadora Eliane Aquino (PT). O velório ocorre no Cemitério Colina da Saudade, onde também acontecerá o sepultamento, agendado para às 16 horas de hoje. Segundo a família, dona Zilda teve uma parada cardíaca em casa, foi reanimada, levada para um hospital, onde morreu. Descanse em paz!


Vapt-vupt


O governador Belivaldo Chagas (PSD) comemorou o fato de Sergipe ser o estado onde se abre uma empresa mais rápido no Brasil. Segundo o jornal Folha de S.Paulo, o tempo para este processo de formalização no estado foi de 14 horas, em julho passado, bem à frente da média nacional que é de um dia e duas horas. “Os números do Ministério da Economia mostram que todo o nosso trabalho de desburocratização, especialmente em conjunto com a Junta Comercial, tem trazido resultados na abertura de empresas, que geram cada vez mais emprego e renda para os sergipanos”, discursou Belivaldo. Então, tá!


Em lados opostos


Parceiros de chapa na disputa pela Prefeitura de Aracaju, em 2020, os presidentes do PSB, Valadares Filho, e do Podemos, Danielle Garcia, agora estão em lados opostos na campanha para o Senado. E a disputa entre os dois promete ser das mais acirradas. Há dois anos, Vavazinho foi candidato a vice na chapa encabeçada pela delegada Danielle, tendo ambos perdido a eleição no 2º turno para o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT). Agora adversários, os ex-parceiros de empreitada vão ter que se desdobrar durante a campanha, pois a única vaga para o Senado será disputada a pau. Aff Maria!


Discurso desafinado


O candidato a governador Rogério Carvalho (PT) terá que se esforçar muito para calibrar o discurso de oposição. Os exaustivos ensaios, iniciados desde que ele rompeu com o governo, ainda não lhe garantiram a certeira pontaria verbal. Exemplo disso é a insistência do distinto em afirmar que Sergipe está paralisado e estagnado. A crítica pode até ter fundamento, porém Rogério não parece ser a pessoa mais indicada para fazê-la, pois nunca as fez quando era governista. Portanto, com este discurso desafinado, o fidalgo terá dificuldades para convencer o eleitor que é o novo e o melhor para Sergipe. Home vôte!


Chapéu alheio


Os candidatos estão fazendo a festa com o aumento do valor do Programa Bolsa Família, agora rebatizado de “Auxílio Brasil”. Um deles é o postulante a uma cadeira na Câmara Federal, pastor Heleno Silva (Republicanos). O distinto tem afirmando que, se eleito, o seu primeiro projeto será defender a permanência do valor de R$ 600 para ex-Bolsa Família. “Estamos passando por um momento muito difícil e o povo mais simples do Nordeste precisa de uma garantia social do governo federal para sobreviver”, discursa o reverendo. Alguém precisa dizer a Heleno que quem paga esse benefício eleitoreiro é o coitado do contribuinte. Só Jesus na causa!


Guerra em debate


A Loja Maçônica Cotinguiba realiza, hoje, uma sessão magna para tratar sobre “Sergipe na Segunda Guerra Mundial”. O palestrante deste palpitante assunto será André Almeida Aragão Cabral, vice-presidente do Grupo Sergipano de Estudos da Força Aérea Brasileira. O evento está agendado para às 19h30, na sede da Loja Maçônica, à rua Santo Amaro, centro de Aracaju. Prestigie!


Commenti


bottom of page