top of page
  • Foto do escritorLuxo Aju

Política by Adiberto de Souza



Uma bomba relógio no colo do futuro governador


É bom o futuro governador de Sergipe botar as barbas de molho, pois uma enorme bomba relógio está prontinha para cair em seu colo. Essa advertência foi feita por ninguém menos do que o atual gestor estadual Belivaldo Chagas (PSD). Segundo ele, embora tenha sido eleito com o slogan “chegou pra resolver”, não conseguiu encontrar soluções para os intrincados problemas da Fundação Hospitalar de Saúde. Criada no governo do falecido Marcelo Déda (PT), que teve em sua primeira gestão Rogério Carvalho como secretário da Saúde, a Fundação é um problemão que vem sendo empurrado com a barriga pelo Executivo. Conforme Belivaldo, o futuro governador terá que encontrar a saída que ele e sua equipe não conseguiram nos quatro anos de mandato. O pior é que uma possível implosão dessa estrutura administrativa obrigaria o Estado a pagar milhões em indenizações, além de afetar diretamente a saúde estadual, em particular o funcionamento do Hospital de Urgência Governador João Alves Filho. Seria bom que antes das eleições o candidato a governador petista Rogério Carvalho explicasse como pretende solucionar tão intrincada questão, já que tudo começou quando o PT mandava na saúde em Sergipe. Home vôte!


Cabeça a cabeça


Pesquisa do Ipec (antigo Ibope) encomendada pela TV Sergipe e divulgada ontem, mostra o candidato a governador Rogério Carvalho (PT) com 43% das intenções de votos, enquanto o seu adversário Fábio Mitidieri (PSD) aparece com 40%. considerando a margem de erro de 3% para mais ou para menos, ambos estão tecnicamente empatados. Brancos e nulos ainda são 11% e os indecisos 7%. O nível de confiança da consulta é de 95%. Foram ouvidas 800 pessoas entre os últimos dias 18 e 20, em 32 municípios. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob protocolo Nº SE-07256/2022 Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR‐06379/2022. Então, tá!


Escolheu o mais votado


O governador Belivaldo Chagas (PSD) decidiu manter no cargo, pelos próximos dois anos, o procurador-geral de Justiça Manoel Cabral Machado Neto. O ilustre foi o mais votado na lista tríplice composta por ele e pelos promotores Nilzir Soares Vieira Junior e Etélio de Carvalho Prado Junior. Há dois anos, Chagas também escolheu o atual procurador por ter sido o mais votado entre os promotores que disputaram vaga na lista tríplice. Manoel Cabral Machado Neto tem 45 anos, é sergipano e está no Ministério Público Estadual há 19 anos, tendo atuado nos municípios de Cedro de São João, Lagarto e Nossa Senhora do Socorro. Boa sorte na nova empreitada!


Sangue novo na PM


Evento solene marcou, ontem, a formatura de 33 integrantes da segunda turma de aspirantes da Polícia Militar de Sergipe, batizada de “Major Manoel Alves de Oliveira Santos”. Com mais este grupo, a PM chega a 61 oficiais formados do concurso em vigor, de um total de 164 convocados para o oficialato. Entre soldados e oficiais, a atual gestão estadual já chamou 1.371 homens e mulheres, que chegaram para renovar as fileiras da nossa briosa Polícia Militar. Em frente, marche!


Cadeia de rádio


As rádios comunitárias de Sergipe vão formar um pool para transmitir entrevistas com os candidatos a governador Fábio Mitidieri (PSD) e Rogério Carvalho (PT), respectivamente, nos próximos dias 25 e 26. As sabatinas com os dois postulantes ao governo acontecerão às 12h30 e serão transmitidas por mais de 30 emissoras sergipanas, sob a coordenação da Associação Brasileira de Rádios Comunitárias. Rogério e Fábio vão ser entrevistados no estúdio da Rádio Comunitária Jubileu FM, em Aracaju. Marminino!


Terra de pés juntos


O Ministério Público de Sergipe ajuizou ação exigindo o cumprimento de sentença que obriga a Prefeitura de Aracaju a interditar os cemitérios clandestinos da capital, regularizar o licenciamento ambiental do Cemitério São João Batista e construir um novo campo santo na cidade. A gestão do prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) informou que a exigência feita pelo MPE “será objeto de reunião com os órgãos envolvidos”. Ressalte-se que, diante da lotação dos cemitérios públicos, quem tem recursos opta por sepultar os parentes no particular Colina da Saudade. Pessoas pobres também costumam providenciar os enterros de familiares em cidades do interior. Só Jesus na causa!


Síndrome de Odorico


Desde o sucesso da novela global “O Bem Amado”, há quase meio século, nenhum prefeito de Aracaju se dispôs a construir um novo cemitério. Temem repetir a saga do personagem central da trama, Odorico Paraguaçu, que foi o primeiro defunto sepultado no cemitério construído por ele na imaginária cidade de Sucupira. O último campo santo edificado em Aracaju foi o Colina da Saudade, em 2003, e assim mesmo pela iniciativa privada. O superlotado Cemitério São João Batista foi construído na década de 60 pelo então prefeito Conrado de Araújo (PTB). Já faz muito tempo, né? Danôsse!


Gazeteiros denunciados


O esvaziamento da Câmara de Aracaju foi denunciado pela vereadora Emília Corrêa (Patriotas). Segundo ela, em todas as campanhas eleitorais as sessões ordinárias ficam esvaziadas, provocando a falta de quórum para a realização dos trabalhos. “Muitos priorizam os outros afazeres e não cumprem o principal dever. Está errado”, discursa. A distinta ressalta que os vereadores são pagos pelo povo e devem honrar os seus compromissos. Por fim, Emília lembrou que mesmo tendo sido candidata a vice-gvernadora, sempre participou tanto das sessões quanto das reuniões na Câmara Municipal. Certíssima!


Catraca livre


O prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) decretou a gratuidade do transporte público em Aracaju no próximo dia 30, data do 2º turno das eleições. A medida segue decisão do Supremo Tribunal Federal, que autorizou as prefeituras e concessionárias a oferecerem tarifa zero sem que isto configure prática de improbidade administrativa ou crime eleitoral. Segundo Edvaldo, o seu decreto visa garantir que todos os residentes da capital tenham condição de votar e eleger quem considerem mais preparado para cuidar dos destinos de Sergipe e do Brasil. Ah, bom!


Da política para a polícia


Definitivamente, o ex-deputado federal Valdevan Noventa (PL) trocou as páginas políticas pelas policiais. Ontem mesmo, a imponente fazenda do fidalgo no interior de Sergipe, foi cercada logo cedo por policiais de carros e helicóptero. Sob o comando do delegado paulista Roberto Monteiro, os agentes da lei deram um baculejo na propriedade à procura de provas que comprovem denúncias de desvios de dinheiro do Sindicato dos Motoristas de São Paulo, comandado por Valdevan e seus amigos. Da vez anterior que baculejou a fazenda, a Polícia paulista apreendeu 50 cavalos de raça, relógios de luxo, carros sem registro e 160 cestas básicas. Misericórdia!


Filosofia de Britto


Do sergipano Carlos Ayres de Britto, ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal, sobre o Dia do Poeta, comemorado ontem: “Música é a fala mais bonita do som. Poesia é o som mais bonito da fala.”. Supimpa!

Comments


bottom of page