top of page
  • Foto do escritorLuxo Aju

Política by Adiberto de Souza

Política provoca desemprego em massa no estado


A virada do ano não será das melhores para mais de 3 mil sergipanos, todos com os empregos ameaçados por conta da troca de governo. Estamos falando dos ocupantes de cargos em comissão, que devem ser exonerados para que o governador eleito Fábio Mitidieri (PSD) contrate os comissionados de sua preferência. O próprio pessedista confirmou o bota fora: “É natural que ao sair, o governador faça o chamado decretão, deixando a casa pronta para quem chegar possa fazer a gestão com o seu povo e do seu jeito”. Evidente que muitos dos exonerados agora serão renomeados por serem técnicos competentes e, portanto, necessários ao funcionamento da máquina estatal. A maioria dos comissionados, porém, terá que procurar outra ocupação em 2023, principalmente aqueles indicados por políticos que ficaram sem espaço no futuro governo. Home vôte!


Contando gente


Prévia do Censo 2022 realizado pelo IBGE revela que Sergipe já tem 2.211.868 habitantes. Em Aracaju, a capital do estado, residem 605.309 pessoas. Nossa Senhora do Socorro é o segundo mais populoso com 192.375 moradores. Itabaiana passou a integrar os municípios com mais de 100 mil almas, passando a ter103.620 habitantes. Lagarto é habitado por 101.642 pessoas, enquanto São Cristóvão tem 95,7 mil residentes. O IBGE promete publicar em breve a tabela com a população estimada em cada município brasileiro. Aguardemos, portanto!


Sem pressa


O deputado federal e senador eleito Laércio Oliveira (PP) comemorou a retirada da pauta da Assembleia do projeto prevendo a desestatização da Sergás. Durante entrevista coletiva, o líder pepista defendeu que a propositura seja discutida amplamente e sem pressa pelo governador eleito Fábio Mitidieri (PSD) e a nova bancada do Legislativo sergipano, além de técnicos capacitados. Antes do encontro com os jornalistas e radialistas, Laércio se reuniu com as lideranças do PP em Sergipe para avaliar a atuação da legenda nas últimas eleições e discutir ações a serem adotada em 2023. Então, tá!


Fim do expediente


Os deputados estaduais encerraram ontem os trabalhos da Assembleia para este ano. Antes, porém, aprovaram o Orçamento do Estado, garantindo ao governador eleito Fábio Mitidieri (PSD) pouco mais de R$ 13,3 bilhões para bancar as despesas do Executivo em 2023. Os parlamentares também aprovaram o projeto do governo criando novas secretarias. Agora, o Legislativo só reabrirá o plenário em fevereiro do próximo ano para receber os deputados eleitos e reeleitos no pleito passado. Aff Maria!


Último ato


O governador Belivaldo Chagas (PSD) presidiu, ontem, seu último ato público como chefe do Executivo sergipano ao inaugurar seis trechos da Orla Sul em Aracaju, que vão das proximidades do bar Maré Mansa até a avenida Dr. José Domingos Maia, já na rótula que dá acesso ao Mosqueiro. O investimento realizado nestes quase 10 quilômetros entregues ontem passa dos R$ 27,2 milhões, deixando o projeto com 95% das obras concluídas. Belivaldo informou que os cerca de R$ 85 milhões investidos na totalidade do projeto da Orla Sul incluem, além de urbanização, a recuperação total dos 17 quilômetros da rodovia SE-100, da Passarela do Caranguejo até a Praia do Viral, com ciclovias em todo o percurso. Misericórdia!


De olho na Prefeitura


E o vereador Fabiano Oliveira (PP) está de olho na cadeira ocupada hoje pelo prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PDT). Político experiente, o parlamentar pepista entende que a discussão sobre a sucessão municipal passa necessariamente por seu partido, que elegeu um senador, um deputado federal e dois estaduais, além de ter dois vereadores na capital. Embora ainda não tenha tornado público o seu desejo, o presidente da Câmara de Aracaju, Nitinho Vitale (PSD), também sonha em disputar a Prefeitura em 2024. Marminino!


Novo auxiliar


Derrotado na disputa por uma cadeira na Câmara Federal, o ex-jogador de futebol Washington Coração Valente (PP) será o novo secretário estadual de Esporte e Lazer. A convocação do ex-atleta para ajudá-lo na área esportiva foi anunciada, ontem, pelo governador eleito Fábio Mitidieri (PSD). O pessedista garante que Washington é a pessoa certa para tocar a nova pasta, que acaba de ser recriada com a aprovação de projeto nesse sentido pela Assembleia. Vixe!


Aliado no poder


O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PDT), festejou a indicação do presidente nacional do partido, Carlos Lupi, como ministro da Previdência do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Presidente da Frente Nacional dos Prefeitos, Edvaldo disse esperar que o aliado político “possa dar a sua contribuição a este novo momento do país, nesta pasta tão relevante para assegurar a dignidade dos trabalhadores”. O PDT apoiou Lula no 2º turno, após o naufrágio eleitoral de seu presidenciável Ciro Gomes. Danôsse!

Fim de um ciclo


A vice-governadora de Sergipe, Eliane Aquino (PT), agradeceu a quem colaborou com a sua atuação nos últimos quatro anos: “Estou encerrando mais um ciclo da minha vida pública e não poderia deixar de agradecer a cada um dos sergipanos e sergipanas que, ao longo dos anos, têm me acolhido e confiado em meu trabalho”, escreveu a distinta no instagram. Segundo comenta-se nas esquinas de Sergipe, Eliane deverá ser aproveitada no 2º escalão do governo federal. Dizem que por ser amiga pessoal do presidente eleito Lula da Silva (PT) e do novo ministro da Secretaria Geral do Governo, Márcio Macedo (PT), a vice-governadora só ficará desempregada se quiser. Ah, bom!


Equipe aprovada


E o senador Alessandro Vieira (PSDB) aprovou o time de ministros escolhidos pelo presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Segundo o tucano, montar ministério no Brasil é igual à convocação da Seleção Brasileira “Tem nomes consagrados, tem boas apostas e tem aqueles que ninguém entende como foram parar lá, além das figuras que todo mundo sabe que vão criar problemas pro time. Mas, no geral, Lula exercitou bem a costura política”, frisou Vieira, que apoiou o petista no 2º turno das eleições de outubro último. Crendeuspai!


Comments


bottom of page