top of page
  • Luxo Aju

Política by Adiberto de Souza

Mitidieri adoça a boca de Lula


O ditado popular “quem meu filho beija minha boca adoça” se encaixa como uma luva na decisão do governador Fábio Mitidieri (PSD) de nomear João Gabriel Lula da Silva Santo Rosa como assessor da Secretaria da Educação. O jovem de 18 anos vem a ser filho da jornalista Lurian Lula (PT), herdeira mais velha do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Vovozão coruja, o “Barba” deve ter ficado agradecido por demais ao pessedista. Ressalte-se também que, a partir de agora, os petistas sergipanos terão de repensar a forma de fazer oposição ao governador para não contrariar o assessor Gabriel e, por consequência, a mãe dele e o próprio Lula. Certamente, essa nomeação desagradou sobremodo o senador Rogério Carvalho (PT), de quem Lurian é assessora parlamentar, pois foi justamente Mitidieri quem lhe aplicou uma surra daquelas nas eleições para o governo de Sergipe. Cruz, credo!


De olho em Canindé


O pastor evangélico Heleno Silva (Republicamos) está entre os políticos que já começaram a pavimentar suas candidaturas para o ainda distante 2024. Segundo o site Jornal do Sertão, o reverendo sonha em disputar a Prefeitura de Canindé do São Francisco, município que governou de 2013 a 2017. Político experiente, Heleno evita falar abertamente sobre seu novo projeto político, afirmando que uma pré-candidatura é algo para ser decidido no futuro, “mas não descarto tal possibilidade”. Segundo ele, o Republicanos pretende disputar prefeituras no interior do estado e a de Canindé é uma delas. Então, tá!


Sob nova direção


A assistente social Carla Fontes é a nova diretora geral da Fundação Estadual de Saúde (Funesa). Ela foi empossada, ontem, pelo secretário da Saúde, médico Walter Pinheiro. A nova comandante da Funesa possui experiência em cargos de gestão no Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Lagarto. No mesmo evento, também foram empossados os membros do Conselho Curador da Fundação. Boa sorte à nova diretora e aos conselheiros.


Racionamento disfarçado


Embora a Deso não admita, há muito vem ocorrendo racionamento de água em Sergipe. A estatal usa e abusa do discurso de “manutenção preventiva”, “falta de energia elétrica” e “tubulação estourada” para justificar as constantes faltas d’água. Ressalte-se que parte da culpa pelas constantes interrupções no fornecimento pode ser atribuída ao desperdício. Quase metade da água tratada pela Deso vai literalmente pelo ralo. Vê-se, portanto, que falta decisão política na estatal para impedir que tanta água escorra pelo ladrão, enquanto o consumidor fica literalmente de bico seco. Crendeuspai!


A força da mulher


Ao ser empossada superintendente do Sebrae em Sergipe a advogada Priscila Dias Felizola disse que a sua eleição para comandar a entidade significa o reconhecimento da conquista de espaço pelas mulheres em todos os setores da sociedade. A posse aconteceu, nesta segunda-feira, em solenidade muito concorrida. A nova diretoria do Sebrae Sergipe é composta por Ivan Apóstolo Sobral, presidente do Conselho; Brenno Barreto, diretor técnico; Raimundo Almeida Neto, diretor Administrativo e Financeiro; e Priscila Dias Felizola, superintendente. Supimpa!


Meu paipai


O ex-governador Belivaldo Chagas (PSD) fez questão de prestigiar a posse da nova diretoria do Sebrae Sergipe: “Tenho certeza que esta nova gestão reúne toda a capacidade e experiência necessárias para desempenhar a missão promover a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos pequenos negócios, fomentando o empreendedorismo para fortalecer a economia de Sergipe, gerando mais empregos e renda para a nossa gente”, disse o pedessista. Para quem não sabe, a nova superintendente do Sebrae, Priscila Felizola, vem a ser filha querida do ex-governador. Ah, bom!


Cara pálida


Muitos congressistas que defendem prender adolescentes infratores nas penitenciárias estão sendo processados por crimes diversos. Fosse mais célere, a Justiça já os teria condenado por meterem a mão grande na verba pública. Há daqueles parlamentares que roubaram o dinheiro do povo para comprar votos, pagar festas particulares, alugar carros de luxo e adquirir imóveis em áreas nobres. Estes sim, deveriam ser trancafiados nas insalubres penitenciárias por muito tempo. Misericórdia!


Futuro debaixo d’água


O Projeto Sergipe Águas Profundas vai transformar o estado na nova fronteira de exploração de petróleo e gás do Brasil. Quem garante isso é a própria Petrobras. Segundo a estatal, a Bacia de Sergipe-Alagoas, a 100 quilômetros da costa, em profundidades que chegam a 3 mil metros, possui reservas substanciais e um horizonte de produção promissor. A petrolífera revelou, ainda, que os investimentos nessa nova fronteira abrirão uma série de oportunidades para a indústria e, como consequência, ampliarão a geração de empregos, impostos e tributos na região. Marminino!


Ha vagas


Já está em vigor a lei que obriga empresas prestadoras de serviços ao governo de Sergipe contratarem mulheres vítimas de violência doméstica e familiar. De autoria da deputada federal Goretti Reis (PSD), a nova lei determina que os editais de licitações e os contratos devem conter cláusula sobre a reserva dessas vagas. Na licitação, a empresa precisa apresentar carta se comprometendo em destinar 2% das vagas ao respectivo contrato administrativo. Outro ponto importante é que as contratantes devem manter sigilo quanto à identificação das mulheres sempre que elas forem contratadas sob a égide da nova Lei. Legal!


Carnalita é um sonho


E o senador Rogério Carvalho (PT) está defendendo a exploração da Carnalita na mina existente no interior de Sergipe. O projeto consiste na extração do minério para produção de potássio, indispensável na composição de fertilizantes. Desde o governo do saudoso Marcelo Déda (PT) que Sergipe tenta, sem sucesso, iniciar a exploração do minério. Alguém precisa dizer ao senador que para tornar a ideia dele realidade é preciso primeiro convencer a gigante norte-americana The Mosaic Company, compradora da Vale Fertilizantes, a investir 4 bilhões de dólares na exploração da nossa Carnalita. Home vôte!


bottom of page