top of page
  • Foto do escritorLuxo Aju

Política by Adiberto de Souza

Os políticos adoram viver juntos e misturados


Engana-se quem pensa que os políticos, em sua grande maioria, estão interessados numa ideologia pra viver. A eles vale mais garantir a reeleição, independente de qual partido estejam. Isso ficou mais do que claro na campanha eleitoral passada, quando quem se dizia oposição virou governista de carteirinha, enquanto quem se perfilava no time da situação pulou a cerca para o lado adversário com a cara mais deslavada do mundo. Antes de defenderem bandeiras ideológicas, como prometem fazer nos inflamados discursos, os políticos preferem se juntar com quem lhe garante a manutenção no poder, facilitando as suas reeleições. Portanto, é bom o eleitor acompanhar com lupa a trajetória de seus prováveis candidatos a prefeito de Aracaju em 2024, para não comprar gato por lebre. Nunca esqueça que a maioria dos políticos é adepta do velho ditado popular: “farinha pouca, meu pirão primeiro”. Para estes senhores e senhoras, o povo que se exploda. Home vôte!


Igreja no palanque


Foi-se o tempo que padres e pastores evangélicos queriam distância da política partidária. Chamavam de “coisa do diabo”. Agora, a ordem das igrejas é disputar todos os espaços de poder, principalmente no Legislativo. Segundo os evangélicos, a igreja deve andar lado a lado com a política, pois “para que o mau prevaleça, basta que o bom se omita”. Também pregam que ao se afastar da política a igreja ajudou a fortalecer políticos que buscam desconstruir os valores cristãos e da família. Virgem Santa!


Boquinha aliada


É voz corrente em Itabaiana que o prefeito Adailton Sousa (PL) vai criar uma secretaria municipal para aboletar o aliado político e ex-prefeito Valmir de Francisquinho (PL). Pelo que se comenta nas esquinas da cidade serrana, caberá ao futuro secretário cuidar da articulação política e coordenar a parte social da gestão de Adailton que, outro dia, garantiu ser candidato à reeleição. Resta saber se Valmir, líder de todas as pesquisas de opinião pública em Itabaiana, se contentará apenas com o cargo de secretário. Marminino!


De Sergipe para Brasília


O ex-secretário da Agricultura de Sergipe, André Luiz Bonfim Ferreira, foi nomeado para uma coordenação nacional do Incra. Engenheiro agrônomo e funcionário de carreira do Instituto, André agradeceu pela indicação ao senador Rogério Carvalho, ao deputado federal João Daniel - ambos do PT - e a Rose Ferreira, atual diretoria de Desenvolvimento e Consolidação de Projetos de Assentamento do Incra. Ela também foi secretária da Agricultura de Sergipe quando o PT fazia parte do governo Belivaldo Chagas. Ah, bom!


Orai por eles e elas


Como dizem as amigas colunistas sociais, os políticos de A a Z prestigiaram, ontem, as missas e procissões em louvor a São José, considerado o Patrono da Igreja Católica. A cidade de Malhador atraiu um bom número de lideranças, que participaram da missa celebrada pelo arcebispo metropolitano de Aracaju, dom João José Costa. O deputado estadual Jorginho Araújo (PSD) participou da celebração ao lado do prefeito daquele município, Assisinho Júnior (PL). Também estavam na missa em Malhador os deputados federais João Daniel (PT) e Ícaro de Valmir (PL). Como sempre acontece nestes eventos, os políticos não tiraram um olho do santo e o outro dos fieis eleitores. Crendeuspai!


MDB virou nanico


O MDB de Aracaju não é mais aquele grande partido, que elegia prefeitos, fazia a maioria da Câmara de Vereadores e era o primeiro a ser requisitado na hora de formar alianças políticas vitoriosas. Hoje, o MDB velho de guerra não tem mais representação no Legislativo da capital, nem sonha com a hipótese de disputar a Prefeitura em 2024. Quando muito, um prefeiturável vai querer o apoio da legenda interessado, principalmente, no tempo de televisão. Tomara que os deputados estaduais Jeferson Andrade e Luciano Bispo - ambos do PSD - consigam o comando do MDB em Sergipe e o recoloque nos trilhos. Aff Maria!


Troca de mãos


O Psol sergipano está com novo comando. Ramon Andrade substituiu Sérgio Barreto na presidência do diretório do partido em Sergipe. Ligado politicamente ao ex-deputado estadual Iran Barbosa e com experiência na luta popular, Ramon já foi da coordenação nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST). Em ano de congresso do PSOL, o novo presidente da legenda promete organizá-la para este evento nacional, que discutirá a participação do partido nas eleições municipais de 2024. Vixe!


Empresário ameaçado


O empresário Luciano Barreto, dono da Construtora Celi e presidente da Associação Sergipana de Obras Públicas, afirmou que está recebendo ameaças anônimas. Entrevistado pela rádio FM Itabaiana, o empresário disse que “não adianta ficar ameaçando, mandando recado, colocando em redes sociais sem assinar. O anonimato é a arma de invejoso, de covarde e de criminoso”. Luciano Barreto desconfia que as ameaças estão partindo de pessoas ligadas à construção civil, que estariam contrariadas com as suas críticas às cooperativas do setor. Misericórdia!


Agência bancária


A cidade sergipana de Aquidabã vai ganhar uma agência da Caixa Econômica Federal. A informação foi dada pelo senador Rogério Carvalho (PT). Durante reunião do petista com a presidente da CEF, Rita Serrano, ficou definido que a nova agência será inaugurada até outubro deste ano. Satisfeito por ter o pleito atendido pela manda chuva do bancão estatal, Carvalho afirmou que seguirá “trabalhando incansavelmente para levar desenvolvimento para o nosso estado”. Então, tá!


Greve afeta o governo


A deputada estadual Linda Brasil (Psol) denunciou que os intérpretes de libras prestadores serviço ao governo de Sergipe cruzaram os braços em protesto porque estão com os salários atrasados há três meses. Cruzes! Os profissionais trabalham para uma empresa privada contratada pelo Executivo. O governo conta apenas com seis profissionais dessa área, número que, segundo Linda, é pequeno para o quantitativo de cidadãs e cidadãos surdos. A Secretaria de Estado da Assistência Social informou que está atuando para regularizar a contratação dos intérpretes de libras. Aguardemos, portanto!


Commentaires


bottom of page