top of page
  • Foto do escritorLuxo Aju

Política by Adiberto de Souza



Canindé não merece outra intervenção do estado


Dias após a troca de prefeitos em Canindé do São Francisco, fala-se que o Ministério Público Estadual avalia a hipótese de pedir uma nova intervenção do estado naquele município sergipano. Isso pode acontecer depois que o prefeito Weldo Mariano (PT) pediu licença de 180 dias para escapar de um quase certo impeachment arquitetado pela Câmara de Vereadores. A oposição ao petista garante que ele deixou a Prefeitura mais desarrumada do que a casa da mãe Joana. Contrário à vontade do MPE, o jornalista Luiz Eduardo Costa lembra que, nos últimos 20 anos, Canindé sofreu três intervenções estaduais, impeachments e afastamentos de prefeitos por ordem judicial. Ademais, a possibilidade de o estado intervir novamente no município desagrada parte da população, que está dando um voto de confiança à nova gestão. Tomara que a comentada intervenção não ocorra, pois o prefeito interino Joselildo Almeida Pank (SD) ainda não teve tempo de dizer a que veio. Ressalte-se que a primeira atitude dele foi cortar drasticamente os excessos da folha de pessoal: de uma só canetada, Pank gerou uma economia próxima aos R$ 2 milhões. Portanto, não custa dar tempo ao tempo antes de praticar mais um ato de força contra Canindé do São Francisco. Home vôte!


Capital itinerante


Além de Aracaju, Sergipe já teve como capitais - somente este ano - os municípios de Boquim, Propriá, Porto da Folha, Estância, Carmópolis e Nossa Senhora das Dores. A mudança constante da capital do estado é consequência de um mutirão mensal realizado pelo governo para oferecer à população ações simples, como medição de pressão arterial e da glicemia, palestras diversas, jogos de futebol, manicure e pedicure para as mulheres e corte de cabelo para os homens. Sempre que isso ocorre, a capital muda de lugar, como acontecerá amanhã com Frei Paulo. Nesse ritmo, logo, logo, o governo realizará o sonho do folclórico João Bebe Água, que morreu sonhando em ver a capital de Sergipe voltar para a sua querida São Cristóvão. Marminino!


Panos quente


A vereadora aracajuana Emília Corrêa (Patriota) aceitou o pedido de retratação do também vereador Professor Bittencourt (PDT), acusado pela ilustre de ter insinuado que ela estaria olhando para ele de maneira sedutora. Dias após a escaramuça entre os dois no plenário da Câmara, a parlamentar foi à Polícia e prestou queixa contra o pedetista, acusando-o de violência política de gênero. Como foi registrado um Boletim de Ocorrência, Emília espera que Bittencourt também se retrate na delegacia para ela retirar a queixa. Então, tá!


E tome queixa


E o vereador João Paulo Brandão (PSD) está tiririca com a Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso). Tudo porque a estatal estaria cobrando a taxa de esgoto de todos os consumidores de Propriá, inclusive de quem não dispõe desse serviço. O parlamentar também lamenta que a Deso tenha esquecido um acordo que fez para reavaliar o valor da taxa de esgoto e cobrar a tarifa social dos consumidores carentes daquele município. Em requerimento aprovado pela Câmara de Propriá, João Paulo exige explicações sobre o que chama de irregularidades. Com a palavra a direção da Deso. Danôsse!


Promessa federal


Após protocolar reinvindicações dos radialistas no Ministério do Trabalho e Emprego, o secretário de Assuntos Institucionais da Federação a categoria, José Antônio de Jesus, visitou a Ministério da Secretaria Geral da Presidência. Lá, o ilustre foi recebido pelo sergipano Valadares Filho (PSB), que vem a ser o chefe da Assessoria Especial de Assuntos Parlamentares e Federativos da Secretaria Geral. Durante a audiência, Vavavinho garantiu ao líder sindical que o governo do presidente Lula da Silva (PT) deve atender as demandas dos comunicadores. Aff Maria!


Reforma justa


Presidente da Frente Nacional de Prefeitos, o gestor de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PDT), liderou uma mobilização em Brasília a favor de uma reforma tributária mais justa e transparente para os municípios. Os prefeitos e prefeitas também se reuniram com o presidente da Câmara Federal, deputado Arthur Lira (PP), a quem entregaram um documento com o posicionamento da Frente Nacional e solicitaram o adiamento da votação da proposta. “Os prefeitos apoiam um sistema de arrecadação mais simples e justo, porém não concordam com uma proposta que prejudique as cidades, como a que está avançando no Congresso”, discursou Nogueira. Ah, bom!


Pré-candidatos sem pressa


Apesar da movimentação exibida pelos pré-candidatos a prefeito e a vereador, nenhum deles deve colocar o carro na frente dos bois. Vão esperar o momento certo para se lançar na disputa eleitoral. Todos sabem que qualquer passo em falso pode colocar tudo a perder. Diante disso, os futuros postulantes a cargos públicos vão mantendo contatos com as lideranças de seus municípios, avaliando as ações dos concorrentes e, naturalmente, “plantando” notinhas favoráveis a eles na imprensa. Em outras palavras: estão cozinhando o galo em fogo baixo. Crendeuspai!


Imprensa marrom


Com raras exceções, o rádio sergipano se transformou num show de demagogia e baixo nível. Diariamente, alguns radialistas com jeitão de pistoleiros nada intelectuais abrem o bocão para defender seus interesses ou de quem os paga. Muitos desses ditos comunicadores estão ajustando a pontaria e escolhendo os alvos para quando começar a campanha eleitoral de 2024. Felizmente, a sociedade sabe identificar o verdadeiro radialista – a grande maioria - que usa o microfone para prestar serviços e fazer entrevistas esclarecedoras. Só Jesus na causa!


Violência invisível


Apesar de 85% das crianças e adolescentes relatarem conviver com brigas na escola e 63% sofrerem violência física em casa, 68% dizem se sentir seguras como uma percepção geral. É o que revela a pesquisa divulgada pelas organizações Visão Mundial e Instituto Igarapé. Sobre os tipos de violência, 86% entendem que é muito errado ter o corpo tocado sem permissão. Gritar ou xingar e bater nas pessoas foram citados como violência por 82% dos jovens, ficar preso no quarto ou em casa por 70%, e ficar em casa sem cuidados por 64%. Êita Brasilzão sem jeito!


Luto


O movimento sindical está enlutado com a morte da sergipana Gedalva Fonseca, ex-presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Nossa Senhora do Socorro. Ela foi a primeira mulher sergipana a fazer parte da direção da Confederação Nacional dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares (Contag). A presidenta do Sindicato dos Bancários de Sergipe, Ivânia Pereira, disse que lembrará “da alegria contagiante de Gedalva e do espírito incansável dessa liderança na luta pelos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras do campo”. Descanse em paz!


PF apura ameaça


A Polícia Federal investigará a ameaça de morte feita à deputada estadual Linda Brasil (Psol). Por e-mail, o criminoso exigiu a renúncia da parlamentar e faz ataques transfóbicos e discurso de ódio. Primeira mulher trans a ser eleita para a Assembleia Legislativa de Sergipe, Linda disse não se sentir intimidada com a ameaça, mas procurou a Polícia para que o mequetrefe seja identificado. A deputada deixou a Superintendência da PF confiante que quem a ameaçou será punido pela Justiça. Misericórdia!

Comments


bottom of page