top of page
  • Foto do escritorLuxo Aju

Política by Adiberto de Souza

“diploma” falso


O Sindicato dos Radialistas de Sergipe cassou o registro profissional de Alex Henrique Souza Ferreira, sob a alegação que o distinto usou um certificado falso de conclusão de ensino médio para se registrar junto ao Ministério do Trabalho e Emprego. A Rádio Capital/FM de Itabaiana, onde o agora ex-radialista trabalha, será comunicada da decisão e, caso não o coloque no olho da rua, o Sindicato levará o caso à Polícia, alegando exercício ilegal de profissão. Além de manter um programa na emissora, Alex Henrique é vereador em Itabaiana. Marminino!


Turismo amador


Aracaju tem se solidificado como uma cidade que os turistas usam apenas como passagem para outras capitais nordestinas. Ontem, o Bom Dia Brasil, da Rede Globo, deixou isso bem claro. Uma reportagem sobre a ocupação hoteleira para o réveillon na região entrevistou uma turista que disse ter passado algumas horas na capital sergipana antes de seguir viagem para Natal e João Pessoa. Isso ocorre porque os hotéis de Aracaju cobram os olhos da cara e, com raras exceções, o serviço de bares e restaurantes é péssimo. Assim também já é demais também!


Plantando verde


Esse período do ano é propício para se “plantar” informações, nem sempre verdadeiras, sobre futuros acordos e prováveis rompimentos de alianças partidárias. Assim como no pôquer, o blefe é muito comum entre os políticos, treinados em jogar verde para colher maduro. Com o quadro totalmente indefinido, a disputa eleitoral em Aracaju estimula o disse-me-disse entre as lideranças e os cabos eleitorais. O certo é que a maioria dos partidos só vai fechar acordos na última hora das convenções, marcadas para o meio do próximo ano. Até lá, tudo que se diga terá tanto valor quanto uma cédula de R$ 3,00. Home vôte!


Pulou a cerca


O prefeito de Malhador, Assisinho, trocou o PL pelo PSD. A assinatura da ficha de filiação do gestor ao novo partido foi prestigiada pelo governador Fábio Mitidieri (PSD), que aproveitou a passagem pelo município para participar de duas inaugurações promovidas pela prefeitura. Nas eleições passadas, Assisinho votou contra Mitidieri no primeiro e no segundo turnos por orientação de seu líder político e ex-prefeito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho (PL). Aff Maria!


Bateu em retirada


Contrariado com a perda do comando do PSB em Sergipe para o grupo comandado pelo governador Fábio Mitidieri (PSD), o ex-senador Antônio Carlos Valadares endereçou carta ao presidente nacional da legenda, Carlos Siqueira, renunciando a 2ª Secretaria do PSB. A queixa dos Valadares foi principalmente porque Siqueira nem ao menos os informou que o vice-governador Zezinho Sobral estava se filiando ao PSB para comandá-lo em Sergipe. Antes de Vavá, Valadares Filho já tinha batido asas do partido pelo mesmo motivo do pai. Ambos ainda não decidiram sobre o novo endereço partidário. Ah, bom!


Balanço positivo


O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PDT), fez um balanço positivo da gestão em 2023. Entrevistado por uma emissora de TV, o pedetista citou uma série de obras inauguradas e iniciadas este ano, com destaque para a Maternidade Lourdes Nogueira. O gestor também destacou o empréstimo de R$ 500 milhões, feito ao banco dos Brics, para a execução do programa Aracaju Cidade do Futuro. Segundo ele, este será o maior pacote de obras da história da cidade. Edvaldo falou ainda sobre os investimentos na educação e em mobilidade urbana. Então, tá!


Pesquisa sem valor


É perda de tempo analisar pesquisa eleitoral para vereador. A euforia de alguns pré-candidatos à Câmara de Aracaju com o resultado de uma recente consulta popular não passa de encenação. Diferente da disputa majoritária, onde se elege o candidato mais votado, na eleição proporcional é preciso saber primeiro quais partidos alcançaram o número mínimo de votos. Só depois se chega aos eleitos, com base no coeficiente eleitoral. Portanto, este tipo de pesquisa serve apenas para que os pré-candidatos saiam por aí divulgando uma informação irreal, visando angariar a simpatia dos eleitores desinformados. Crendeuspai!


Cadê a gororoba?


Ganha uma mariola de goiaba quem souber quando realmente será implantado o prometido “Prato do Povo”. Desde o meio deste ano que o governo Mitidieri (PSD) promete encher a barriga de 4,6 mil miseráveis, só que até agora os coitados ainda não receberam nem uma cuia de farinha. Outro dia, a Secretaria Estadual de Ação Social informou que a gororoba seria distribuída agora em dezembro, mas parece que só no próximo ano. Segundo o governo, mesmo quando o programa for efetivado, aos sábados e domingos os famintos continuarão dependendo da caridade alheia para tirar a barriga da miséria. Só Jesus na causa!

Comments


bottom of page