Política by Adiberto de Souza

May 29, 2019

 

Governo bipolar

 

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) afrontou os milhares de seguidores que foram às ruas pedir o fechamento do Congresso e do Supremo Tribunal Federal. Diante da pressão dos bolsonaristas, esperava-se que o Legislativo e o Judiciário corressem para pedir proteção ao Executivo, porém aconteceu o contrário: foi o capitão de pijama quem se socorreu com os presidentes dos outros poderes, chamando-os para um regabofe no Palácio da Alvorada e propondo o pacto para tirar o país do atoleiro. E achando isso pouco, o presidente ainda orientou a sua bancada no Senado para manter no Ministério da Economia o Conselho de Controle de Atividades Financeiras. Ora, as manifestações de domingo exigiram exatamente o contrário: que o Coaf ficasse sob o comando do ministro da Justiça, Sérgio Moro. Diante de tantos desencontros, conclui-se que o soldadinho de chumbo não acreditou na força da manifestação dos bolsonaristas ou - em hipótese bem pior – este governo é bipolar, é um Maria vai com as outras. Cruzes!

 

Ficou de quatro

 

E quem ficou tiririca da vida com o recuo do governo sobre o Coaf foi o senador Alessandro Vieira (Cidadania). Ele lamentou “a carta de rendição” enviada ao Senado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) apelando à bancada para manter o Conselho no Ministério da Economia. Vieira disse que, diante do pedido respeitoso feito pelo capitão de pijama, o Cidadania decidiu atendê-lo, porém “faz questão de registrar que é o presidente quem erra”. Homem, vôte!

 

Dez anos de TCE

 

O advogado Clóvis Barbosa completa, hoje, 10 anos como conselheiro do Tribunal de Contas de Sergipe. Entre 2016 e 2017, ele presidiu o TCE, se destacando pela modernização do órgão e as ações de combate à corrupção. Mesmo assim, há quem queira ver Clóvis pelas costas. Pior, dentro do próprio Tribunal tem gente defendendo que Barbosa seja substituído pelo conselheiro Flávio Conceição, que foi aposentado a bem do serviço público após ser processado sob a acusação de ter metido a mão grande no dinheiro do povo. Crendeuspai!

 

Tribo de luto

 

A Tribo Xocó está chorando a morte do ex-cacique Apolónio dos Santos, 58 anos. Diabético e com problemas no coração e no pulmão, ele estava internado, há dias, no Hospital de Nossa Senhora da Glória. Um dos grandes defensores da demarcação da Ilha de São Pedro, em Porto da Folha, Apolônio se tornou um embaixador dos Xocós. O sepultamento do ex-cacique será às 10h de hoje, no cemitério da tribo, localizado na Ilha de São Pedro. Descanse em paz, amigo!

 

Sob nova direção

 

O Partido Republicano da Ordem Social está sob nova direção em Sergipe. Quem responde agora pela presidência é César Viana, que vem a ser irmão do ex-deputado estadual Robson Viana. A nova diretoria do PROS promete fortalecê-lo com vistas às

eleições de 2020. Segundo Robson Viana, a ideia é apresentar uma chapa fortíssima para a Câmara Municipal de Aracaju. Então, tá!

 

A casa caiu

 

E a Polícia Federal apreendeu em Aracaju computadores utilizados para divulgar conteúdos nazistas e antissemitas. O dono dos equipamentos também é acusado de praticar atos de discriminação e preconceito. A Polícia Federal informa que o investigado pode responder pela prática do crime de racismo, que estabelece pena de até cinco anos de reclusão. A PF não divulgou o nome do dito cujo. Vade retro, satanás!

 

Pires nas mãos

 

Lideranças políticas de Tobias Barreto bateram à porta do deputado federal Valdevan Noventa (PSC), em Brasília. Capitaneados pelo deputado estadual Dilson de Agripino (PPS), os vereadores Montival Cardoso (PROS), Verano Rodrigues (PT) e Roberto do IBV (PP), foram pedir ajuda para o município. Entre as reivindicações feitas a Valdevan estão recursos para compra de maquinários agrícolas, infraestrutura nos povoados, construção e reforma de quadras e ginásio de esporte, além da reforma do estádio Brejeirão. Noventa prometeu se esforçar para atendê-los. Ah, bom!

 

Casório supimpa

 

Realizada em Aquidabã, a tradicional Festa do Casamento do Matuto foi reconhecida como patrimônio cultural e imaterial de Sergipe. O reconhecimento ocorreu graças à sanção do governador Belivaldo Chagas (PSD) ao projeto de lei neste sentido do deputado estadual Georgeo Passos (Cidadania). Este ano, o Casamento do Matuto, agora incluído no calendário de eventos de Sergipe, vai acontecer no próximo dia 15. Participe!

 

O bicho vai pegar

 

Caso não sofra alterações, a famigerada reforma da Previdência não terá o apoio do PDT. Reunida ontem, a bancada federal pedetista decidiu apresentar uma série de emendas ao projeto. Segundo o deputado Fábio Henrique, o partido defende a retirada das mudanças no Benefício de Prestação Continuada (BPC), a manutenção das regras atuais para aposentadoria dos professores, e da idade mínima para trabalhadores rurais, que hoje se aposentam com 55 anos (mulheres) e 60 anos (homens), com 15 anos de contribuição. Marminino!

 

Arranjando encrenca

 

O governo de Sergipe parece querer arranjar uma encrenca das grandes com os policiais e bombeiros militares. Tudo porque a Procuradoria Geral do Estado defendeu o desconto do Imposto de Renda sobre a Remuneração Transitória por Atividade Extraordinária (RETAE). Segundo o deputado estadual Capitão Samuel (PSL), “o governo está fazendo um esforço danado para ver a classe militar revoltada”. Misericórdia!

 

Recorte de jornal

 

 

Publicado no jornal aracajuano Diário da Manhã, em 28 de agosto de 1915.

Please reload